Editorial

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-8281.i48p2-5

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Elisabetta Santoro, Universidade de São Paulo

    É graduada em Línguas e Literaturas Estrangeiras na Università degli Studi di Bari (alemão/ inglês) e em Tradução na Ruprecht-Karls Universität de Heidelberg (alemão/italiano/português). Mestrado e doutorado foram concluídos na Universidade de São Paulo (USP), na qual desde 2003 é docente da Área de Língua e Literatura Italiana. Seus principais interesses de pesquisa são: aquisição, aprendizagem e ensino do italiano L2, pragmática linguística, semiótica narrativa e discursiva e relações Itália-Brasil, Sobre esses temas publicou artigos e ensaios. É presidenta da Associação Brasileira de Professores de Italiano (ABPI), membro da diretoria da Associação Internacional de Professores de Italiano (AIPI) e sócia de outras associações científicas da área. É líder do Grupo de Pesquisa “Pragmática (inter)linguística, cross-cultural e intercultural” (GPP/CNPq/Fapesp) e vice-líder do Grupo de Pesquisa “Língua, Identidade e Memória: o italiano dos Italianos do Brasil” (GLIM/CNPq), além de pesquisadora do LEER (Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação da Universidade de São Paulo).

  • Adriana Mendes Porcellato, Sem registro de afiliação

    Possui doutorado pelo Programa de Língua, Literatura e Cultura Italianas da Universidade de São Paulo (USP) em convênio com o Programa de Doutorado em Linguística da La Sapienza Università di Roma (Itália). Em seus estudos, investigou o papel da pragmática e da cultura no ensino de línguas estrangeiras (italiano e inglês), com foco na análise e desenvolvimento de material didático. Atuou como professora substituta de italiano junto à Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2021 e junto à Universidade de São Paulo (USP) em 2022-2023.

  • Luciane do Nascimento Spadotto, Sem registro de afiliação

    Formada em Letras – Português e Italiano pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com especialização em Comunicação Organizacional pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Concluiu mestrado e doutorado pelo Programa de Língua, Literatura e Cultura Italianas da Universidade de São Paulo (USP). Concentra estudos e pesquisas no campo do ensino-aprendizagem de italiano. Atuou como professora substituta de língua italiana junto à Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

Downloads

Publicado

04/21/2024

Edição

Seção

Editorial

Como Citar

Santoro, E., Porcellato, A. M. ., & Spadotto, L. do N. (2024). Editorial. Revista De Italianística, 48, 2-5. https://doi.org/10.11606/issn.2238-8281.i48p2-5