Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Ventilar ratos com ar ambiente é mais adequado do que ventilar com oxigênio puro

Marcus Vinicius Henriques de Carvalho, André José Fruchi, Evaldo Marchi

Resumo


O presente estudo investigou se a ventilação de ratos com cilindros de ar comprimido é possível e se esta técnica seria melhor do que o procedimento de ventilação com cilindros de oxigênio comprimido. Vinte ratos foram divididos em dois grupos de dez animais cada. Em um grupo os animais foram ventilados com ar ambiente e o outro grupo foram ventilados com oxigênio puro. Parâmetros dos gases sanguíneos e o índice de oxigenação foram comparados entre os grupos. O grupo dos animais ventilados com oxigênio puro teve hiperóxia no começo e no fim da ventilação mecânica. A PaO2 ficou adequada nos aniamais ventilados com ar ambiente. Não houve diferença significativa na PaCO2 entre os dois grupos no começo e no fim da ventilação mecânica. A média do índice de oxigenação (razão PaO2/FiO2) foi significativamente mais alta no grupo de ar ambiente quando comparado com o grupo do oxigênio puro no começo e no fim da ventilação mecânica (5min: p < 0,001e 60min: p < 0,002). Em conclusão, ventilar ratos com ar ambiente é mais vantajoso do que quando realizado com oxigênio puro porque permite oxigenação adequada sem causar hiperóxia.


Palavras-chave


Ventilação; Oxigênio; Ar; Ratos

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1678-4456.bjvras.2016.90632

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.